Jogador número 1

ISBN: 9788580442687

Páginas: 367

Editora: Leya

Data:

Compartilhe

Sinopse

Cinco estranhos e uma coisa em comum: a caça ao tesouro. Achar as pistas nesta guerra definirá o destino da humanidade.

Em um futuro não muito distante, as pessoas abriram mão da vida real para viver em uma plataforma chamada Oasis. Neste mundo distópico, pistas são deixadas pelo criador do programa e quem achá-las herdará toda a sua fortuna.

Como a maior parte da humanidade, o jovem Wade Watts escapa de sua miséria em Oasis. Mas ter achado a primeira pista para o tesouro deixou sua vida bastante complicada. De repente, parece que o mundo inteiro acompanha seus passos, e outros competidores se juntam à caçada. Só ele sabe onde encontrar as outras pistas: filmes, séries e músicas de uma época que o mundo era um bom lugar para viver. Para Wade, o que resta é vencer – pois esta é a única chance de sobrevivência. A vida, os perigos, e o amor agora estão mais reais do que nunca.

Alerta de spoiler:

Se você ainda não leu Jogador número 1Jogador Número 1, o resumo a seguir pode conter spoiler. Se você não quiser ler o resumo, clique aqui para ler a minha opinião (sem spoiler).

Resumindo

A humanidade abriu mão da vida real para viver em uma realidade virtual mundialmente difundida: OASIS. James Halliday, um designer de jogos, responsável pelo desenvolvimento do OASIS, se tornou um dos homens mais ricos do mundo. Antes de morrer, James, que não era casado e não tinha herdeiros, preparou um testamento que deixaria a humanidade em polvorosa. Ele enviou esse testamento, chamado de Convite de Anorak, em forma de vídeo a todos os usuários do OASIS. O Convite de Anorak também foi amplamente divulgado pela impressa. Nele, James deixou seus bens sob custódia até que a condição imposta no testamento fosse cumprida. A primeira pessoa a cumprir essa condição herdaria uma fortuna estimada em 240 bilhões de dólares.

James explicou que antes de morrer, ele criou e escondeu um Easter Egg no OASIS: um “ovo” escondido em uma sala secreta. Para herdar sua fortuna, a pessoa só deveria encontrar este Easter Egg. Para encontrá-lo, James deixou pistas e criou um placar que seria atualizado conforme os jogadores encontrassem as pistas. A humanidade seguiu as pistas exaustivamente, sem sucesso. Empresas pagavam pessoas para procurar o Easter Egg, pessoas formavam grupos de busca, outras preferiram procurar sozinhas. A Caça, como foi chamado o concurso, se tornou uma fantasia popular entre adultos e crianças. Milhares de caçadores de ovos surgiram, mas ninguém conseguia decifrar as pistas deixadas por James.

Depois de 5 longos anos, um garoto de 18 anos conseguiu encontrar a primeira chave, a Chave de Cobre, e isso reacendeu o desejo dos caçadores de ovos. Wade virou celebridade e teve que lidar com o sucesso de ser o primeiro a encontrar uma chave. Ganhou dinheiro, que o ajudaria na busca do Easter Egg, mas também ganhou amigos e inimigos.

O que achei de Jogador número 1

Fantástico. É assim que defino o Jogador número 1. Uma homenagem aos anos 80, cercada de suspense, que nos prende do início ao fim. Talvez por isso, esse livro pode não agradar aos leitores mais novos. Quem não viveu os anos 80 pode ter dificuldade em entender certos termos, passagens do livro. Porém, para quem viveu os anos 80, vai bater um saudosismo com as referências às músicas, filmes, livros, jogos e séries da época.

Ernest Cline criou uma realidade virtual sensacional e apavorante que nos faz pensar em como seremos/estaremos no futuro. Será que teremos um mundo parecido com o descrito no livro? Em alguns casos eu gostaria que sim, em outros não. Não gostaria de conhecer apenas avatares, sem saber quem é a pessoa que está por trás dele, se é homem ou mulher, novo ou velho. Não gostaria de ter um mundo tão destruído, mas sei que do jeito que as coisas andam, esse é provavelmente o futuro da humanidade.

E o mais legal: teremos filme do Jogador número 1, dirigido pelo grande Steven Spielberg! Pela foto, podemos ter grandes expectativas…

jogador número 1 

Vamos trocar figurinhas

Um livro sensacional e uma leitura viciante me fizeram dar 4,5 estrelas para Jogador número 1. E você que já leu Jogador número 1, o que achou? Deixe sua opinião sobre o livro e a resenha. Não esqueça de avaliar o livro.

Se você ainda não leu e se interessou pelo livro, você pode ler o 1° capítulo gratuitamente, clicando em “Leia agora” na capa dele ali em cima 😎 .

Se quiser, pode encontrar Jogador número 1 nas seguintes lojas:

ExtraFNAC – Saraiva – Submarino

Relacionados


Compartilhe

Deixe um comentário